Quanto mais falam mais eu dou

Anônima, 1 filho. Idade: 32 Desabafo Anônimo: Meu bebê tem dois meses, desde que nasceu tem muita cólica dai só no colinho ou no peito que ele acalma; já ouvi tanta besteira que prefiro me isolar com meu filho, o que mais dói é própria família dizendo que meu bebê chora porque tem baixa imunidade…

São tantas informações

Cristiane, 1 filha,  fonoaudióloga Idade: 43 Desabafo Anônimo: Sim acredito que os bebês precisam de colo…. do peito… mas são tantas informações divergentes que as vezes ficamos sem saber que caminho seguir!!! Também queria colocar em questão o fato do local que o bebê deve dormir… no quarto sozinho desde o inicio ou a partir…

Às vezes, é muito difícil

Bruna, 2 filhos, professora Idade: 29 Desabafo Anônimo: Meu bebê tem dois meses, desde que nasceu é um “chorão” (tem um pulmão limpinho rs), as pessoas (principalmente familiares, até meu marido mesmo) diz que tenho que deixá-lo chorar, que chorar não mata etc. Dizem que tenho que deixá-lo chorar, senão não faço mais nada. Não…

Não consigo amar as duas

Marcia Idade: 38 Desabafo Anônimo: Olá. Sou casada, mãe de quatro filhos… Sempre sonhei em ser Mãe e quando descobri que estava gravida sem estar preparada naquele momento …me senti a mulher mais feliz do mundo… Me senti plena, completa … Depois de 3 anos engravidei de novo fiquei muito feliz porque desejava ser mãe…

É possível amar os próximos filhos como o primeiro

Por Rafaela Schiavo Muitas mães acabam se fazendo esta pergunta quando pensam em engravidar novamente ou quando já estão grávidas do segundo filho. Isso ocorre porque o sentimento de amor materno é imensurável, o amor é tanto que muitas não conseguem nem comparar o amor que sentem pelo filho com o amor que sentem por…

Sinto-me a pior mãe do mundo.

Anônima, 2 filhos, Desempregada, 35 anos Desabafo Anônimo: Tenho dois filhos com 6 anos de diferença. Há algum tempo que sinto que são eles, cada vez mais, a tomar conta da “situação” ao invés de ser eu. Amo-os incondicionalmente e sempre me sinto privilegiada por acompanhar as suas infâncias, porém me sinto exausta e sem mais ideias. Eles brigam muito. Tudo…

Eu não sou mais eu: agora somos eu e ele.

Anônima, 1 filho de 20 meses, analista administrativo. Idade: 35 Desabafo Anônimo: Meu filho já tem 2 anos. Sempre ouvi dizer que os primeiros meses do bebê são os mais difíceis, mas na verdade estou achando tudo difícil. Cada fase um novo desafio. Meu bebê sempre foi calminho, raramente chorava. Mas de repente tudo mudou….

Sinto que existo somente pra criar meu filho.

Nome, quantos filhos e profissão: Anônima, um filho, desempregada Idade: 29 Desabafo Anônimo: Estou cansada. Tenho 29 anos, um filho de 2 anos. Sou casada faz 4 anos e nosso filho foi super desejado e planejado. Porém, tudo mudou desde que nosso filho nasceu, uma criança que chorava praticamente o dia todo e à noite. Não dormia. Eu…

Ele chama a babá de mãe

1 filho, compradora, 29 anos. Desabafo Anônimo: Olá, eu tenho um filho de 4 anos de uma relação bastante complicada, namorei com o pai dele pouco tempo, passamos juntos por 6 meses, meu namoro com o pai dele foi só pra fazer raiva para o meu ex marido. Só que nisso engravidei dele. Eu não…

Se pudesse voltar no tempo

Idade: 32 Desabafo Anônimo: Tenho um bebê de 6 meses e me sinto totalmente arrependida de não ter abortado. Penso todo dia, desde que descobri a gravidez, como minha vida estaria melhor sem ele. Eu tenho marido, família e amigos super presentes e situação financeira estável. Deveria estar feliz, mas a maior parte do tempo…

É muita sobrecarga

2 filhos, pedagoga Idade: 34 Desabafo Anônimo: Eu não sei mais nem quem sou. Minha vida, desde que o meu filho menor chegou, virou de ponta cabeça. Estou sempre correndo contra o tempo para dar conta de serviços da escola em que trabalho, de casa, dos filhos, da roupa, da comida, da escola deles, dos…

VEREDITO: NÃO MULHER, VOCÊ NÃO TEM DIREITO

VOCÊ mulher, mãe, decide sair de um relacionamento no mínimo infeliz. Sai da sua casa, com a sua cria e vai para um lugar novo para ter algum suporte e chance de recomeçar. O pai da criança fica 10 meses sem ver a filha, por vontade própria. VOCÊ espera durante 6 meses por um julgamento…