Como amamentei após passar por um parto traumático

Amamentar é um processo de aprendizado tanto para a mãe quanto para o bebê. É preciso conhecimento, paciência, tempo e amor para superar o incômodo dos primeiros dias, até finalmente pegar o “jeitão da coisa”. Minha história não foi diferente, apesar de ter passado por um parto traumático e sofrido violência obstétrica. Eu amamentei de…

Estou presa nesse corpo grávido

  Anônima Idade: 39 Desabafo Anônimo: Estou com 33 semanas, no começo descobri um mioma de 10 cm, médico me assustou MUITO. Gravidez não planejada, mal sabia que era só começo. No dia 23 de maio, o mioma começou a degenerar, e cresceu, fiquei 3 dias internada, os plantonistas falavam em corte vertical pra tirar o mioma….

Eu só queria não viver mais

Bianca, 25 anos Desabafo Anônimo: Eu me sinto perdida. No chão da minha cozinha, chorando em silêncio por uma família totalmente desconstruída por traições, homofobia, religião. Por amar alguém que não te escuta e só está se afundando em dívidas, não está nem aí para o que você pensa. Amizades rasas, julgamentos. Perda da essência e…

Mesmo morta, eu ainda seria um fardo.

Anônima, 16 anos Desabafo Anônimo: Sinceramente, não sei o que fazer. Tenho 16 anos e acho que tenho depressão, quase certeza na verdade. Meu pai morreu quando eu era pequena e enquanto minha mãe e minha irmã sofriam, eu fiquei sozinha, sem nenhum apoio emocional, sem saber o que estava acontecendo. Minha mãe desde então começou…

Mas o que mata mesmo é a carga mental

M*, 2 filhas, empresária Idade: 37 Desabafo Anônimo: Eu acredito estar me aproximando do meu limite mental e psicológico. Eu vivo uma série de fatores que têm me levado a pensamento suicidas e de abandono de tudo que vivo. Absolutamente tudo. Vivo uma constante montanha-russa de pequenas alegrias e mergulhos ao fundo do poço. Estresse diário por…

Não tive nem o direito de vestir meu bebê pela última vez.

Evelyn, 1 filho, artesã, estudante, 18 anos Desabafo Anônimo: Meu príncipe Bryan Valentin nasceu dia 1 de maio de 2018. Nasceu normal, sem problemas nenhum de parto cesáreo. Dia 2,  ainda na Maternidade Sagrada Família do Bomfim, ele começou a espirrar. Falei com a pediatra e ela disse que era normal as crianças espirrarem após o…

Lembro de acordar e ele estar sentado na minha cama acariciando minha coxa!

Amanda, 1 filha ,cabeleireira, 25 anos Desabafo Anônimo: Sempre morei com meu avô durante toda minha infância. Minha mãe já tinha mais um filho de um pai diferente do meu (meu pai e o pai do meu irmão nunca nos procuraram,dois vagabundos!). Lembro bem quando minha mãe arrumou um ‘namorado’. Meu avô nunca gostou dele. Um…

Não consigo fazer nada para mudar minha realidade

Gabriela, 2 filhos, desempregada, 41 anos Desabafo Anônimo: Sou casada, tenho um lar bonito e estruturado e mesmo assim não me sinto feliz. Casei e depois de casada conclui meus estudos. Conseguimos mudar nosso padrão de vida, sempre quis frequentar lugares diferentes do que éramos acostumados, mas meu esposo nunca quis. Eu o incentivei a estudar…

Não consigo me sentir mais pura, eu sinto nojo

***AVISO DE GATILHO: ESTUPRO*** Anônima,  19 anos Desabafo Anônimo: Não sei como começar, essa é a primeira vez que escrevo sobre isso. Preciso por pra fora, mesmo que de forma anônima. No dia 5 de setembro de 2016 eu fui abusada sexualmente. Um dos agressores foi preso em flagrante (este já estava me seguindo há muito tempo),…

Eu sou uma pessoa muito violenta com as palavras, e ele agressivo

Anônima, 2 filhos, desempregada Idade: 33 anos Desabafo Anônimo: Eu tenho tanta coisa pra falar, pra dizer para escrever que nem sei por onde eu começo…. Eu estou em um relacionamento há 12 anos, desses 12 são 7 anos e 9 meses de casamento, tivemos dois filhos lindos. Quando eu engravidei eu estagiava em um empresa e…

Fui estuprada pelo irmão de uma amiga minha.

Anônima, 14 anos Desabafo Anônimo: Fui estuprada pelo irmão de uma amiga minha. Atualmente, eu tenho 14 anos, isso aconteceu há exatamente 10 meses e eu tinha 13 anos e o menino que me estuprou tinha 15. Eu estava na casa de uma amiga minha (hoje, logicamente, não somos mais amigas). Eu fui lá buscar minha chapinha…

Hoje me considero tudo o que ele diz

Anônima, 44 anos, pedagoga, 2 filhos Desabafo Anônimo: Prefiro que não me identifiquem. Estou em uma fase muito difícil, hoje vejo tantos defeitos em mim, me sinto desprovida de sonhos, vontades e sei que fui a responsável por tudo isso. Vejo claramente que não me preocupei em ter uma carreira que me rendesse um bom salário,…

Não consegui dizer que ele tinha me estuprado

Nome, quantos filhos e profissão: G., sem filhos Idade: 40 anos Desabafo Anônimo: Estava namorando há 8 meses com um cara que parecia ser legal, companheiro. Uma vez, ele pediu pra fazermos sexo anal, topei para experimentar, mas doeu bastante e eu disse a ele que não tinha gostado e não ia querer fazer de novo. Algum tempo…