Sonho com a vida que tinha antes e choro de culpa….

Anônima, 1 filho, 35 anos. Desabafo Anônimo: Quando finalmente decidi ser mãe descobri que não seria fácil. Depois de 2 cirurgias e muito resultado negativo, acabei adoecendo… Trabalhava muito e a pressão para ser mãe culminaram em uma depressão e síndrome do pânico. Depois de 3 anos, quando havia desistido de ser mãe, engravidei! Foi…

Não sei se hoje estou curada, acho que a depressão é uma erva daninha

Brisa, dois filhos (2 anos e 1 ano), tecnóloga em Logística, 29 anos   Desabafo Anônimo: Depressão pós parto, o que ninguém entende. Quando meu primeiro bebê nasceu eu tive todos os problemas de amamentação que alguém podia ter, mastites, abscessos, sapinho, o bebê literalmente comeu os bicos dos peitos… Foi aquela tortura. Meu filho…

Mas às vezes eu tô cansada de ser só mãe

Thayná​, 1 filha, desempregada, 21 anos Desabafo Anônimo: Queria desabafar, mas eu não consigo conversar com ninguém sobre os meus problemas, ou sobre o que eu sinto. Desde que eu perdi uma das minhas bebês, (eu estava grávida de gêmeas) ela morreu no pós parto, eu tive grandes problemas pós parto, fui a UTI, fiquei…

Estou em guerra comigo mesma

Marcelle,uma filha e sou contadora,  20 anos Desabafo Anônimo: Meu nome é Marcelle,engravidei ano passado,nesse ano tive uma filha linda,sou apaixonada pela minha filha,porém estou em guerra comigo mesma,a ponto de eu mesma não me entender,o problema é que estou sentindo muita falta dos meus pais e da vida que eu levava e sinto que…

Estou me sentindo um monstro

Thaís, 1 filho, 33 anos. Desabafo Anônimo: Está muito difícil. Mesmo. Estou me sentindo um monstro. A gravidez não foi planejada. Estava planejando minha tão sonhada viagem e pós graduação. Vi meus planos irem por água a baixo. Eu e o pai já tínhamos nos separado por uma traição que ele nunca vai admitir. Não…

Era o meu sonho viver a maternidade romântica

Nathalia, 1 filho, pedagoga, 30 anos. Desabafo Anônimo: Acompanho a página há praticamente 1 ano e meio. Hoje meu filho tem quase 1a8meses. Sofri a grande decepção no pós parto. Mas sempre lia os relatos da página e não achava a minha dor tão dolorosa assim. Mas aqui estou eu mais uma vez, depois de…

Até quando?

Anonima, 29 anos, 1 filho Desabafo Anônimo: Estou com depressão pós parto, minha filha tem 1 ano, ultimamente ando sem paciência, muito estressada, e meu marido não entende, fica estressado junto comigo, e ainda me agride. Não sei como sair dessa situação, tenho medo de me separar, não percebo evolução dele, e isso já aconteceu…

Estou enlouquecendo e não encontro ajuda

Mônica Idade: 40 Desabafo Anônimo: Tenho três filhos e eles são a minha vida. Desejei cada um deles com toda a força do meu coração. Eu os amo incondicionalmente. São todos pequenos, com menos de 7 anos. Quero que sejam felizes mais que tudo e me proponho a tudo por isso. Mas não consigo. Eu…

Eu fico aqui

Nome, quantos filhos e profissão: Anônima Idade: 27 Desabafo Anônimo: Eu nem sei por onde começar… Vivi um romance na juventude, quando eu tinha 16 anos e ele 18. O traí na época, terminamos e ficamos 6 anos sem se ver e sem se falar. Depois desse tempo, nos reencontramos. Me apaixonei de novo… Fazia…

Teria que deixar de ser quem eu era

Ana K., 43 anos, um filho, servidora pública   Muito livre, muito independente, sempre corri atrás do que quis. Sempre sozinha, nunca cogitei estender a mão para nenhum homem. Mas aos 29 anos, fraquejei. Então, estendi a mão e ele segurou. Em seis meses nos casamos. Abandonei meu emprego e fui morar com ele em…

Aquelas coisas me perseguem

C., 33 anos, 2 filhos, estudante.   Desabafo Anônimo: Segundo puerpério, 12 dias hoje. E pela segunda vez, aquelas coisas me perseguem. Medo de tudo, medo até de dormir, de acordar, do tempo passar…. não está fácil, mesmo tendo tudo para estar bem, marido, família, filho saudável. Queria saber como é ter filho e ficar…

Amava ser mãe, mas não não estou conseguindo

Anônimo, 26 anos, 2 filhos, pedagoga. Desabafo Anônimo: Bom dia. Estou me sentindo completamente estranha. Tenho dois filhos, a primeira eu tive quando tinha 21 anos, era solteira e morava com minha mãe na época. Meu namorado me apoiava, mas ainda morava com os pais. Quando nossa filha nasceu, ele veio morar comigo. Então, nossa…