Estou numa gangorra de sentimentos

M., 1 filho, arquiteta Idade: 35 Desabafo Anônimo: Sou suicida e engravidei porque os antidepressivos inibiam o efeito do anticoncepcional (e o médico “esqueceu” de avisar). Parei de tomar os remédios por causa do bebê (causam má-formação), e hoje estou numa gangorra de sentimentos… O cansaço por cuidar de um bebê que não dorme à…

Já passei há muito tempo do meu limite

Solitária, 1 menina, desempregada Idade: 35 Desabafo Anônimo: Preciso de ajuda! Estou quase enlouquecendo e não encontro ninguém que me entenda ou acolha. Tenho uma filha de 1 ano e um mês. Muito esperada. Tentei engravidar por 22 meses. Foram quase dois anos tentando ter um bebê. Fiquei muito feliz quando engravidei, mas a notícia…

Não sei criar uma criança

D, 01 filho, autônoma, 29 anos. Desabafo Anônimo: Com pais separados, na infância e adolescência sempre me senti órfã de pais vivos. Agora casada com 29 anos, mãe de um bebê que logo fará um ano, não sei o que fazer, eu acabo maltratando meu filho, não quero culpar a depressão pós parto que sei…

Sinto-me mesmo triste

Anônima Idade: 26 Desabafo Anônimo: Olá. Tive a minha bebê há quase 7 meses e estou super triste. Não tenho vontade para nada. Eu amo muito a minha filha mas só me apetece ficar sozinha, sem ninguém à minha volta. Não consigo deixar o meu marido me tocar, estou desiludida com ele. Sinto-me mesmo triste.

Sonho com a vida que tinha antes e choro de culpa….

Anônima, 1 filho, 35 anos. Desabafo Anônimo: Quando finalmente decidi ser mãe descobri que não seria fácil. Depois de 2 cirurgias e muito resultado negativo, acabei adoecendo… Trabalhava muito e a pressão para ser mãe culminaram em uma depressão e síndrome do pânico. Depois de 3 anos, quando havia desistido de ser mãe, engravidei! Foi…

Não sei se hoje estou curada, acho que a depressão é uma erva daninha

Brisa, dois filhos (2 anos e 1 ano), tecnóloga em Logística, 29 anos   Desabafo Anônimo: Depressão pós parto, o que ninguém entende. Quando meu primeiro bebê nasceu eu tive todos os problemas de amamentação que alguém podia ter, mastites, abscessos, sapinho, o bebê literalmente comeu os bicos dos peitos… Foi aquela tortura. Meu filho…

Mas às vezes eu tô cansada de ser só mãe

Thayná​, 1 filha, desempregada, 21 anos Desabafo Anônimo: Queria desabafar, mas eu não consigo conversar com ninguém sobre os meus problemas, ou sobre o que eu sinto. Desde que eu perdi uma das minhas bebês, (eu estava grávida de gêmeas) ela morreu no pós parto, eu tive grandes problemas pós parto, fui a UTI, fiquei…

Estou em guerra comigo mesma

Marcelle,uma filha e sou contadora,  20 anos Desabafo Anônimo: Meu nome é Marcelle,engravidei ano passado,nesse ano tive uma filha linda,sou apaixonada pela minha filha,porém estou em guerra comigo mesma,a ponto de eu mesma não me entender,o problema é que estou sentindo muita falta dos meus pais e da vida que eu levava e sinto que…

Estou me sentindo um monstro

Thaís, 1 filho, 33 anos. Desabafo Anônimo: Está muito difícil. Mesmo. Estou me sentindo um monstro. A gravidez não foi planejada. Estava planejando minha tão sonhada viagem e pós graduação. Vi meus planos irem por água a baixo. Eu e o pai já tínhamos nos separado por uma traição que ele nunca vai admitir. Não…

Era o meu sonho viver a maternidade romântica

Nathalia, 1 filho, pedagoga, 30 anos. Desabafo Anônimo: Acompanho a página há praticamente 1 ano e meio. Hoje meu filho tem quase 1a8meses. Sofri a grande decepção no pós parto. Mas sempre lia os relatos da página e não achava a minha dor tão dolorosa assim. Mas aqui estou eu mais uma vez, depois de…

Até quando?

Anonima, 29 anos, 1 filho Desabafo Anônimo: Estou com depressão pós parto, minha filha tem 1 ano, ultimamente ando sem paciência, muito estressada, e meu marido não entende, fica estressado junto comigo, e ainda me agride. Não sei como sair dessa situação, tenho medo de me separar, não percebo evolução dele, e isso já aconteceu…

Estou enlouquecendo e não encontro ajuda

Mônica Idade: 40 Desabafo Anônimo: Tenho três filhos e eles são a minha vida. Desejei cada um deles com toda a força do meu coração. Eu os amo incondicionalmente. São todos pequenos, com menos de 7 anos. Quero que sejam felizes mais que tudo e me proponho a tudo por isso. Mas não consigo. Eu…