Eu só quero ser uma boa mãe!

Anônima, 18 anos

Desabafo Anônimo: Bom dia. Estou grávida de 4 meses e não poderia estar mais feliz com isso. Desde que me lembro meu sonho é ser mãe e o pai do meu filho está sendo incrível, assim como minha família. Antes da gravidez eu fazia tratamento para depressão, ansiedade e personalidade limítrofe. Quando descobri que estava grávida conversei com a minha psiquiatra e resolvi parar com os remédios pois eles são muito fortes e apesar da doutora me garantir que havia um risco mínimo ao feto, eu ainda assim não quis arriscar. Estou cuidando de tudo, com a minha alimentação estou comendo só orgânico e fazendo tudo ao meu alcance pra ter uma gravidez saudável. Eu tenho problemas com vício, de álcool e cigarro. Todo dia pra mim está sendo uma luta por não poder beber nem fumar, mas eu estava conseguindo me segurar, não tinha tido surto desde que descobri a gravidez, mas, ontem, depois de um dia cansativo no trabalho, tive uma discussão horrível com a minha família. Todos me ligaram e falaram merda pra mim e quando me ouviram chorar, ficaram com medo de eu ter crise e tentaram me acalmar, mas já era tarde. Eu estava agoniada, desesperada, queria poder beber até desmaiar ou pelo menos fumar um cigarro, mas eu não posso, e isso começou a me consumir. Eu joguei meu celular pra minha família parar de me ligar, fui para o quarto, quebrei um monte de coisa dentro, tive uma crise muito feia, bati minha cabeça no vidro inúmeras vezes. Agora estou aqui com um galo na testa, toda dolorida, com medo de essas coisas afetarem meu bebê, com medo de não ser uma boa mãe, de quando ele nascer eu ter uma crise dessas na frente dele, não sei se vou conseguir me perdoar. Eu só quero fazer as coisas certas, mas parece que isso é tão difícil! Eu não tenho dormido direito porque fico ansiosa pensando se vou ser boa o suficiente ou se algum dia ele vai sentir por mim o que eu já cheguei a sentir pela minha mãe, que foi uma das razões de eu precisar fazer terapia. Eu só quero ser uma boa mãe e não sei porque isso está me consumindo tanto. Tenho medo de tudo. Estou ficando paranóica desde já. Até andar de ônibus/ carro pra mim é um sofrimento, atravessar a rua, tudo. Tudo me dá medo porque eu sei que qualquer coisa que acontecer será culpa minha e isso está me enlouquecendo, não sei o que fazer.

1 comentário Adicione o seu

  1. disse:

    Bom dia! Converse com sua psiquiatra e volte a tomar os medicamentos, tu já viu que sem eles tudo fica mais difícil e tu não precisa enfrentar tudo isso sozinha. A gestação é um período bastante complicado emocionalmente, nossos hormônios comandam nossos pensamentos e atitudes e a ansiedade neste período é absolutamente normal, porém, como tu mesma disse, já tem um histórico de problemas emocionais e estava em tratamento. Você não será uma má mãe por estar te cuidando e preservando tua saúde mental. Não sofra por antecedência, a gente não nasce mãe, a gente se torna mãe e isso somente com a convivência com teu bebê você verá. Cuida de ti pra cuidar bem dele, tenho certeza de que vocês serão muito felizes juntos.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s