Definitivamente não terei mais um irmão

Anônima, sem filhos, sem profissão Idade: 28 Desabafo Anônimo: Eu não estou com inveja e não estou com dificuldades de lidar com o casamento. Eu já namoro há muito tempo (muito!) mas ainda não consegui casar por conta de alguns bloqueios emocionais e financeiros. Em parte pela “lavagem cerebral” que sofri na minha criação, em…

Eu não consigo seguir em frente

Daisy, 1 filha, social media Idade: 34 Desabafo Anônimo: Perdi minha filha na 41ª semana de gestação. Tive um pré-natal perfeito, todos os exames com resultados bons, quase sem nenhum mal-estar e no dia que sabia que Luíza nasceria – pois na madrugada anterior tive contrações de treinamento – o coração dela parou de bater….

Ainda tenho sentimentos por ele

Emille, não tenho filhos e sou estudante Idade: 19 Desabafo Anônimo: Um ano atrás conheci um cara em um jogo virtual. Ele mora em Belo Horizonte e eu na Bahia. No inicio viramos amigos, conversávamos a toda hora e até nas madrugadas. Nós éramos o porto seguro um do outro, até que nos apaixonamos e…

O que ela sente por mim não pode ser só ciúme

Anônima, sem filhos, estudante de medicina. Idade: 21 Desabafo Anônimo: Acho que minha irmã me odeia. Tenho apenas uma irmã, ela é alguns anos mais velha que eu, mas ainda moramos na mesma casa. Sei que ciúme entre irmãos é normal, mas o que ela sente por mim não pode ser só ciúme. Ela me…

Sei que não é minha filha

Anônima, 36 anos, uma perda gestacional, professora. Desabafo Anônimo: A gente se conheceu na infância. Os caminhos se separaram e se cruzaram várias vezes: reuniões da escola, amigos em comum no Facebook. Eu viajei, namorei bastante, sempre fui desapegada e aventureira. Ele casou e teve um filho, e até onde eu sabia era um puta…

O que mais me dói é não ter ninguém comigo durante isso tudo

E., 18 anos, 1 anjo no céu, desempregada Desabafo Anônimo: Há um bom tempo ando me sentindo vazia, há mais ou menos um ano e meio descobri que estava grávida e isso me deixou mais sem chão ainda, fiquei muito tempo pensando sobre qual atitude tomar e pra quem contar. Quando estava com quase 3…

Ele está decidido a tirar minha filha da cidade

Idade: 33 Desabafo Anônimo: E aconteceu a audiência de “regulamentação de visitas” após um pedido de tutela de urgência negado. Ele sumiu quando eu estava grávida, reapareceu apenas para registrar, terceirizou todo o resto para a mãe dele (que além de refém, é também o “moleque de recados” dele, a pessoa que deposita a pensão(segundo…

Me sinto violentada, sem ele nunca ter sido agressivo

Anônima, 2 filhos, engenheira Idade: 32 anos Desabafo Anônimo: Já passei por relacionamento abusivo. Abusivo mesmo, literalmente falando. Mas hoje entendo que existem outros tipos de relacionamentos abusivos, onde você não sofre violência física nem psicológica de fato, mas é pior do que se tivessem te espancado. Ano passado conheci um rapaz mais novo. Uma…

Só estou aqui hoje por causa dele!

Anônima, grávida, 18 anos. Desabafo Anônimo: Olá, estou grávida de 5 meses e terminei com o pai do bebê porque ele não me vê como prioridade nem nosso filho, então me esgotei e acabei terminando, ele foi meu primeiro namorado sério… Agora me vejo totalmente sozinha, não tenho mais amigos, tenho apoio dos meus pais,…

Meu sonho sempre foi ser mãe

Joice, 38 anos. Desabafo Anônimo: Oi, me chamo Joice, tenho 38 anos, casada há 10,  sem filhos. Meu sonho sempre foi ser mãe. Quando conheci meu esposo, falei a ele do meu sonho e que não abriria mão disso. Ele nunca quis filhos, mas por amor topou e o tempo foi passando e eu cobrando…

Esses acontecimentos me marcaram e mudaram muito

Gabriela, 1 filho, professora Idade: 29 Desabafo Anônimo: Vejo por aqui muitos desabafos de relacionamentos abusivos, então, passei por dois. O primeiro, foi com o primeiro namorado, aquele namoradinho de escola, que você idealiza casamento, filhos, casa, vida… ele era um ano mais novo que eu. Estávamos no colegial. Namoramos 3 anos (mais ou menos)….

Sobreviver não é existir…

Tha, 13 anos, nenhum filho, estudante sem profissão Idade: 13 Desabafo Anônimo: Eu tenho depressão. É,assim, na lata. – Que belo jeito de começar, Tha – Acho que não preciso dizer aquelas coisas notórias, né? ( Me sinto impotente, não consigo fazer nada, nada me faz feliz e blá, blá blá) “O que eu ia…