O amor de mãe não chegou

Bruna Eloise, 1 filho, atendente de telemarketing.

Idade: 20 anos

Desabafo Anônimo: Olá, fico feliz de achar esse espaço. Bom, me chamo Bruna, tenho 20 anos, e um bebê de 1 mês. Engravidei por acidente, eu e o pai do meu filho vivíamos uma vida louca, baseada em drogas e festas. Após o positivo, paramos com tudo, e começamos a pensar nas responsabilidades.
Nunca aceitamos a gestação, pensamos no aborto, adoção, mas nunca tive coragem. Tínhamos picos de emoções, um dia amávamos o bebê, no outro, entrávamos em desespero. Bom, assim seguiram os 8 meses, no último mês, terminamos, voltei para a casa dos meus pais.
Então ele começou a sair, viver a vida, e não me quis mais. E eu com muita raiva, porque além de gostar dele, não aceitava que por um ato dos dois, só eu estava pagando.
O bebê nasceu, e o amor de mãe não chegou até hoje… Achei que tudo fosse mudar, mas nada mudou, continuo odiando Deus e o mundo por ter um filho! Ele é saudável, lindo, mas não sinto amor de mãe. Meu ex nunca veio vê-lo, mas nós nos falamos. Ele diz que me ama, mas não quer ter um filho, não está pronto. Eu deveria ficar com raiva, mas não, eu sinto o mesmo. Só queria que fosse eu e ele.
Todo mundo aqui em casa percebe minha falta de afeto com o meu filho, e fico mal por isso… Já pensei em deixá-lo com os meus pais que o amam, e sumir. Mas tenho medo de me arrepender. Estou confusa, com medo, só queria desaparecer!

Anúncios

4 comentários Adicione o seu

  1. Jana disse:

    Bruna, concordo com os comentários anteriores, tudo é muito recente e os hormônios nos fazem ter pensamentos conflitantes. Na minha opinião o tal amor à primeira vista é fantasia pois meu filho foi muito planejado e amado desde o começo e não senti nada disso qdo o olhei pela primeira vez. Tinha certeza que o amava mas acho que as pessoas romantizam muito esse início de vida materna, que é super difícil! Estamos exaustas, com mil emoções à flor da pele, sem saber como lidar com a nova situação, medo, angústia… Acredito que o amor está presente mas vc ainda não se deu conta, só pelo fato de não ter coragem de deixar seu filho com seus pais, pessoas que vc tem certeza que cuidarão bem dele, é sinal que vc tem sim sentimento por seu bebê. Busque apoio, é um dia de cada vez, no começo é difícil mas te digo que tudo passa. Infelizmente vc teve q lidar com tudo muito jovem, mas nada é por acaso. Muita força!

    Curtir

  2. Pamela disse:

    Sei como se sente, durante a gravidez toda, eu só pensava em pra quem dar o BB, já q o aborto não era viável pq descobri a gravidez com 17 semanas.
    Na minha barriga eu não amei minha filha, eu nem quis saber o sexo. Foi um período sofrido. Eu tive tantos picos de humor, q acabei precisando de apoio psicológico.
    A BB nasceu por 3 hs msm com ela nos braços eu não a olhava… Eu achei q nenhum sentimento havia nascido em mim. Mas eu estava enganada! Eu já a amava, eu só não percebia isso. E acho q vc é como eu. Vc já a ama, apenas não percebe.
    Veja o qto vc mudou por este serzinho, antes msm dele nascer.
    Se entregue… olhe pro teu BB e diga, eu não estava preparada pra ter vc, eu não queria ter vc…. Mas vc despertou em mim um sentimento muito louco MEDO. E td q sinto é medo, e talvez esse medo seja o amor mais puro q alguém possa sentir

    Curtir

  3. Rosa disse:

    Querida não se desespere, tudo ainda é muito recente, tenho história muito diferente dá sua, mas passamos por uma história de rejeição dá gravidez igual. Hoje meu filho está com 10 meses e amo e curto ele muito, mas confesso q tem momentos q me perguntando qdo ele vai crescer! Coragem seus hormônios ainda estão te atrapalhando, aos poucos as coisas melhoram e tudo passa rápido, Jaja ele estará maior e vc terá sua vida de volta…. Força

    Curtir

  4. Vanessa disse:

    Esse “amor imediato” é uma construção humana. Se acalme e dê tempo ao tempo. Toda a estética do bebê é voltada para que nos apaixonemos por ele. Viva um dia de cada vez, acalme seu coração e tente se concentrar nas características do seu filho que mais lhe chamam positivamente a atenção!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s