Precisamos falar sobre o que não dizer sobre e para os meninos

Letícia, 1 filho, Hoteleira, 29 anos.

Desabafo Anônimo: Não precisa ser anônimo. Precisamos falar sobre o que não dizer sobre e para os meninos. Não aguentei quando ouvi um familiar dizer que meu filho vai ser o “terror” das menininhas. O que? Como assim? Terror? Ele não vai ser terror nenhum. Onde ser o terror de alguém é algo a se orgulhar? Parem com isso. Parem de incentivar o machismo, a misoginia, o desrespeito com as mulheres nessas frases e construções “tão inocentes”. Lutamos e enfrentamos TODOS OS DIAS os reflexos dessa simples frase. Os bodes soltos, os terrores das meninas, o “isso é coisa de mulherzinha”. Parem.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s