Talvez seja esse o meu caminho, o caminho da solidão

Evangeline

Desabafo Anônimo: Encurralada é como me sinto, apenas quero fugir mas sei que não consigo. Talvez não tenha vontade ou simplesmente não consigo me libertar das correntes nas quais eu vivo. Não quero parecer exagerada, mas no fundo sei que sou uma, estou a morrer aos poucos; não fisicamente, mas sim psicologicamente.

Desde pequena fui ensinada a não mostrar sentimentos de tristeza, eu tinha que sorrir mesmo que por dentro estivesse a morrer, talvez porque meus pais queriam uma menina exemplar, coisa que não existe e por cada erro uma nova corrente se enrosca em mim. O normal é sentir amor vindo dos pais, mas eu só sinto que eles me odeiam. Quando tento falar, eles simplesmente mandam-me calar ou apenas levam-me para o quarto onde fecham até a uma certa hora.

Quando penso que posso fugir na escola engano-me. Sou sempre o alvo. Quando quero fazer amizades, eles simplesmente me acham esquisita. Nunca desejei mal a ninguém, mas todos desejam a minha tão adorada morte. Num ato de “brincadeira” colocaram vídeos horríveis com o meu nome e publicaram num local onde toda a turma visse, e agora sou um motivo de gozo. Minha mãe quando soube disso, em vez de apoiar-me, disse que era bem feito e que era para eu parar de ver coisas inapropriadas. O que foi que fiz? Será que eu fiz algo que Deus não gostasse? Por que que o inferno não me leva? Talvez até o inferno não me queira por lá, já que ele nunca me leva. Não tenho coragem de me ver livre deste mundo. Pode ser por esperar alguém me amar, alguém que me mostre o que é o amor. Mas sei que isso é impossível, já que contos de fadas não existem, apenas existe dor e sofrimento.

Agora choro sozinha sem ter alguém com que desabafar. Talvez seja esse o meu caminho, o caminho da solidão. Talvez pensem que sou exagerada ou que estou a inventar, mas é verdade, apenas pura verdade.

Anúncios

1 comentário Adicione o seu

  1. Ane disse:

    Não pense que sua vida não vale a pena. Lute. Um dia você vai encontrar seu lugar no mundo, vai sair da casa dos seus pais e ser feliz. Busque ajuda com algum adulto da escola. Você precisa de ajuda.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s