Sobre o assunto que ninguém quer falar

Por Ellen Moraes Senra – 15 Setembro 2016


Olá novamente!

Precisamos falar sobre assuntos chatos e incômodos também, não apenas os agradáveis e comuns e falar sobre o alto índice de suicídio em pacientes depressivos não é algo agradável.

Você sabia que aproximadamente 350 milhões de pessoas no mundo sofrem de depressão e que o transtorno já é considerado o mais incapacitante?

A DPP (Depressão Pós-Parto) atinge cerca de 25% da população brasileira e preocupa justamente pela baixa credibilidade, pois as pessoas têm muita facilidade em julgar sem avaliar a extensão da situação e, consequentemente, a própria puérpera fica sem entender o que ocorre e se vê consumida pela culpa imposta pelos “intrometidos” de plantão.

Dito isto, precisamos saber e orientar sobre a depressão, pois esta pode trazer a fatalidade: o suicídio.

Quando falamos em suicídio cria-se logo a “falsa” ideia de que quem chega a esse ponto é por covardia, mas não se percebe que até chegar a esse ponto a pessoa pode ter dado vários gritos pedindo por socorro. Muitos pensam que a tentativa de suicídio é apenas no intuito de chamar atenção, mas na verdade a tentativa frustrada de dar fim a própria vida pode ser apenas um grande cartaz escrito:

“Preciso urgentemente de ajuda!”

Hoje venho, então, propor a vocês sairmos da posição de meros espectadores e oferecermos não só apoio, mas também ombro, colo e, principalmente, a orientação para buscar um profissional apto a ajudar nessa situação.

Não faça parte do grupo de pessoas que não acreditam nos transtornos incapacitantes que atingem cada vez mais pessoas. Venha conosco na árdua tentativa de fazer a diferença.

Estamos por aqui para orientar e auxiliar.

Sintam-se mais uma vez abraçados por mim e falem muito sobre isso.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s