Eu não conheci minha filha…

Desabafo Anônimo: olá, sou mãe de uma anjinha linda. No dia 03/05/15 minha Ana Sophia voltou para o céu. Estava com 40 semanas e sempre pedi ao médico para marcar o parto (desde as 38s) mas ele falou que tinha que esperar ela querer nascer, mas eu estava com pré-eclampsia e pressão alta (ele só passou remédio para a pressão com 39s2d). Engravidei com 38 anos, meu primeiro filho. Muito temerosa, pois sempre falam que a idade é perigosa, mas o médico nunca levava meu questionamentos em consideração (falava que eu sou muito ansiosa). O referido médico é considerado o melhor na minha cidade (preferi para evitar sustos). Mas os 40 anos de profissão dele não evitaram que minha anjinha fosse embora. Comecei a passar mal as 23h do sábado quando falei com ele e me mandou dormir pois não era nada. Ás 02h da manha fui onde ele estava de plantão, falou que o bebê estava bem, com batimentos bons e que eu não sabia o que era trabalho de parto. Me deu um remédio e me mandou embora e, depois de muita insistência minha, falou para me internar às 07h da manha que depois da missa ele iria me ver. As 05h liguei novamente pois estava muito mal, vomitando muito e com contrações mais curtas, meu útero estava “verde”, sem dilatação. Durante toda a gestação senti dores de cabeça, minha pressão alterada, via muita estrelinha e fiquei muito inchada nas últimas semanas, mas ele falava que só tomaria providência se a pressão aumentasse muito. Ele falava que era muita responsabilidade mexer no mapa astral de alguém, escolher a data que alguém nasce. Minha bebê sempre foi ótima nos exames, nunca apresentou nenhum problema, tudo excelente, quando cheguei no hospital as 05h da manhã, minha pressão estava 17/13. Ele chateado por me considerar ansiosa e minha bebê morta. Foi feita um cesárea de urgência, a pediatra passou 20 min tentando reanimá-la, mas sem sucesso, ela já estava com o Pai Celestial, meu anjinho de luz. Eu não conheci minha filha, só através de fotos quando ela estava na pedra. Bebê lindo, com 3.850 e 52cm. Desde então me sinto culpada por não ver consideração nessas negligências cometidas por esse médico. Me culpo por não ter mudado de médico, por não ter ido para outro hospital (detalhe, as 02h da manhã ele me atendeu na maternidade municipal e não quis fazer o parto), fui cirurgiada num hospital particular. Hoje tento engravidar novamente, já passei por todo tipo de médico, descobri que na época tive um AVC hemorrágico ocasionado pela pressão alta. Não consegui ainda ser abençoada por Deus numa nova gestação. Me apego na fé. Pior é ter que fingir que não aconteceu nada, pois quando falo na minha filha, me mandam deixá-la quieta, que foi melhor Deus levar, que devo esquecer e seguir em frente… : (
Espero ser merecedora da graça do Senhor novamente, poder sentir o milagre de Deus em meus braços será ímpar, sensação de bênção, de amor e ser escolhida para cuidar de um anjo de Deus.
Meu marido descobriu que tem varicocele e eu estou com uma trompa com aderência, mas a vitória é do Senhor Jesus. Creio no poder de Deus.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s