Faltou me despedir

Meu nome é Kesia. Em março de 2015  descobri minha tão sonhada gravidez, como fiquei feliz em saber que carregava um príncipe dentro de mim. Tudo correu bem até as 20 semanas quando tive um sangramento, achei que ali seria o fim do meu sonho. Mas Deus não permitiu que o pior acontecesse. Na ultrassom  meu príncipe estava firme e forte enchendo meu coração de alegria e tudo foi correndo bem.
Até que chegou a nossa consulta de 7 meses quanta ansiedade senti. Ouvir seu coração era uma alegria, mas não foi isso que aconteceu. A médica não achou seus batimentos e mau sabia eu que ali começava a minha dor. Corri atrás de uma ultrassom de urgência, consegui achar na cidade vizinha e daí constatou que vc tinha voado para os braços de Deus.
O desespero tomou conta de mim, uma mistura de sentimentos. Me senti incapaz, o pior dos seres humanos, mas mesmo com aquela ultrassom ainda tinha esperança de um milagre na hora do parto. Mas a vontade de Deus foi outra, ele te escolheu pra estar do lado dele.
Então, no dia 30 de setembro de 2015 acabou seu sofrimento devido a uma pré eclampsia vc foi para o céu ….como me revoltei com a vida, senti muita raiva de Deus, mas o seu amor me tornou uma pessoa melhor… seu amor mudou meu coração e hoje mesmo com a dor ainda totalmente presente, vejo que a vontade de Deus é boa, perfeita e agradável …não sei  o que o futuro me reserva, mas sei que quem guia minha vida é Deus e ele vai encaixar todas as coisas no seu devido lugar.
Se de alguma forma eu posso aconselhar vcs, meu conselho seria: olhe cada detalhe do seu bebê, sinta o cheiro, abrace. Eu tive muito medo e não olhei e hoje fora a dor, carrego o remorso por não ter olhado. Não sei como era seu rostinho, seu cheiro. Então, aproveitem cada minuto que tiverem com seus anjos!
Que a força de Deus nos fortaleça a cada dia!
Depoimento enviado pela mãe Kesia
Anúncios

1 comentário Adicione o seu

  1. Érica Quintans disse:

    Querida Késia,
    Obrigada por dividir a história de amor de você e de seu príncipe. Não se culpe por não ter olhado, tocado e cheirado ele. Você fez o que foi possível naquele momento. Todo seu amor exala de você e podemos sentir ele daqui.
    Um abraço carinhoso,
    Érica Quintans – Equipe Temos que Falar Sobre Isso

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s