Amor além da vida

“E meu anjinho sábado completa um ano da sua partida, um ano de tristeza e dor pro papai e pra mamãe.
Lembro como se fosse hoje da surpresa ao saber que estava grávida. Eu realmente não te esperava, nunca pensei em ser mãe, as mãos suavam, o corpo tremia, mas mamãe teve que acalmar o papai que quase infartou. Sim, a gente era jovem, estava no último ano de escola, faculdade, tudo arrumado e planejado.
Daí você veio pra felicidade de todos, o primeiro netinho. Lembro da sua primeira ultra, papai chorou e a primeira coisa que ouvimos foi é um meninão! Quanta felicidade! Os meses se passaram, era tanta alegria, quantos presentes!

Com seis meses foi seu chá de fraldas, reunimos todos os amigos, família. Quanto amor, foi tudo tão lindo e perfeito! Sete meses fomos comprar suas coisas pro seu quarto, papai deixou mamãe escolher o que queria. Afinal, ele trabalhou tanto pra te dar só o melhor, deixou tantas coisas de lado, até conta pra você ele fez pra uma emergência …. Sete meses a ultra 3d seria na sexta, não me contive de emoção, ansiedade. Papai foi te vê aquele dia na porta da escola da mamãe, levou tanto chocolate pra gente, beijava você e dizia o quanto te amava ! Você estava tão inquieto aquele dia, chutava e chutava, então, mamãe aquela noite com 31 semanas sentiu as contrações na escola. Fomos pro hospital, meu apressado iria nascer, mas tentaram ouvir teu coração e nada. Quanta angustia, eu não acreditava, me levaram pra fazer o parto. Você veio lindo e pft aquele dia choveu tanto parecia que deus me consolava. Papai chegou mas nem te viu, mamãe também não viu você. Me desculpe, mas eu não me sentia pronta, não queria acreditar, não queria te ver sem vida, meu cabeludo, eu te amo tanto! Você é a melhor parte de mim, THÉO EDUARDO! Você foi tão amado por todos a sua volta, quanta dor sair daquele hospital sem você! A cardiopatia congênita te levou pra perto do meu senhor”.

Depoimento enviado pela Bruna Yang, mãe do anjo Theo Eduardo

Anúncios

1 comentário Adicione o seu

  1. Érica Quintans disse:

    Querida Bruna,
    Quanto amor o Theo Eduardo recebeu!
    Ele teve muita sorte de ter vocês como pais dele. E para sempre serão.
    Um abraço carinhoso,
    Érica Quintans – Equipe Temos que Falar Sobre Isso

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s